Detecção de Disparos - Segurança Electrônica - Consultoria

O Sistema ShotSpotter

As regiões metropolitanas no Brasil já podem contar com uma nova tecnologia capaz de detectar e localizar a ocorrência de disparos de armas de fogo, e de reduzir índices de violência. O Sistema de Detecção de Disparos de Armas de Fogo ShotSpotter funciona através de sensores instalados em grandes áreas urbanas, e permite a implantação de programas de policiamento eficientes e a reorientação de políticas públicas voltadas à segurança. A ShotSpotter, Inc. é a líder mundial no fornecimento deste tipo de tecnologia e vem implantando o sistema há mais de 10 anos em cidades norte-americanas, como Los Angeles, Washington D.C., Chicago, Boston e São Francisco. No Brasil o sistema já funciona em Canoas, Rio Grande do Sul, e em breve entrará em funcionamento no Rio de Janeiro.

No Sistema ShotSpotter sensores de áudio são camuflados e instalados em áreas urbanas de forma a garantir cobertura total e permanente das regiões. Em caso de disparo de arma de fogo no perímetro coberto pela tecnologia os sensores detectam e emitem alertas imediatos para uma central. Os alertas também podem ser enviados para dispositivos portáteis utilizados por policiais que estejam em viaturas. A sofisticação dos instrumentos permite ainda distinguir imediatamente, com alto grau de precisão, o que é disparo de arma de fogo ou tiroteio do que é fogo de artifício ou outro evento, de acordo com a assinatura acústica.

O Sistema ShotSpotter é o único que disponibiliza a gravação do ruído do incidente, da forma que foi captado pelos sensores. Isso dá aos operadores da polícia a capacidade única de re-examinar o ruído antes de tomar a decisão final de mobilização de recursos.

Nas mais de 50 cidades norte-americanas em que foi instalado o Sistema ShotSpotter tem ajudado as comunidades a reduzir consideravelmente a incidência de tiros (em até 70%) e o número de homicídios (em até 40%, no caso de Los Angeles), tornando as metrópoles mais seguras. Dados em tempo real e informações históricas fornecidas pelo sistema permitem que as autoridades localizem, analisem, priorizem e respondam de forma rápida e adequada a incidentes isolados e a tendências gerais de criminalidade.

Por sua capacidade de monitorar on-line e de gerar automaticamente, sem interferência humana, relatórios e gráficos sobre um dos indicadores mais importantes de criminalidade – disparos de armas de fogo – o Sistema ShotSpotter se constitui em um instrumento importante de um policiamento moderno, alinhado e integrado com a comunidade.

Benefícios

Essas informações geradas pelo Sistema podem ser utilizadas para:

  • Dar resposta adequada e rápida a ocorrências, permitindo a captura dos criminosos ainda no local e o socorro imediato a vítimas de disparos
  • Fornecer informações imediatas sobre ocorrências e incidentes que de outro modo nunca seriam do conhecimento da polícia
  • Aumentar a eficácia do despacho de viaturas, reduzindo custos operacionais
  • Evitar falsos alarmes
  • Melhorar as condições de segurança dos policiais, que respondem ao incidente munidos de informações críticas quanto à situação que vão enfrentar
  • Gerar provas para processos criminais. A determinação rápida e precisa do local da ocorrência permite que sejam recolhidas provas (como cápsulas para exames de balística), e que testemunhas sejam entrevistadas antes que possam deixar a cena do crime
  • Permitir a geração de relatórios estatísticos precisos e o mapeamento da mancha criminal

A implantação de um Sistema ShotSpotter é um projeto de grande visibilidade, que causa forte impacto positivo na comunidade e na atuação das forças policiais. Ele aumenta tanto a sensação de segurança da população quanto a confiança dos agentes da lei na capacidade da polícia de enfrentar os criminosos.

O Sistema ShotSpotter é um instrumento comprovado na redução do número de crimes violentos, especialmente homicídios.


Copyright © 2013 ASI Brasil